Solidão

Durante um pulo de meu coração
Um nanosegundo, as vezes nem isso
Me vi diante de quase um martírio
Na negação de uma emoção

Distância, essa que nos separa
Machuca, fere e corta
Maior ferida é ver que tu não se importa
Com essa situação que meu coração empala

Me perco na métrica
Não sigo convenções procuro sentimento, caço emoções
E condenado a um amor não correspondido como à uma cadeira elétrica

Saiba tu, solidão
Que não sentes por mim, o que sinto por ti
Mas sem ti já não vivo
Não respiro nem durmo
E por isso já não me iludo
Meu medo é não lhe ter, mesmo lhe tendo
Não ser dono de seus sorrisos
E não estar em seus sonhos mais íntimos
Insegurança essa, solidão, que ganha força, quando somes e não volta
Quando eu digo meus sentimentos e você diz que não se importa
E que não vale nada quem fomos e nem quem seremos

O diário secreto de uma dona do lar ou O trágico fim de Odete

Personagens:

  • Odete Rodrigues – Dona de casa de 40 e poucos anos   
  • Alfredo Rodrigues – Marido de Odete, já passou dos 50 anos
  • Carlos Rodrigues – Filho de Alfredo e Odete, 17 anos 
  • Joaquim Rodrigues – Também filho de Alfredo e Odete, 11 anos
  • Pequena Rodrigues  – Filha do casal, 7 anos
  • Claudia – Melhor amiga de Odete e amante de Alfredo
  • Entregador de Leite – Homem de 30 anos, entrega leite na casa de Odete desde que Carlos nasceu
  • Carteiro/Paulo – Homem de 25 anos, começou a trabalhar de carteiro recentemente, namorado de Sofia
  • Sofia – Vizinha da família Rodrigues, universitária de 25 anos
  • Maria – Personagem fictício criado por Odete
  • Ana – Personagem fictício criado por Odete
  • Marcos – Personagem fictício criado por Odete

 

Peça dramática em 4 atos 

 

Ato I – Cena I

Local: Sala de Jantar da família Rodrigues

[uma mesa é posta com 6 cadeiras, Odete está de vestido com um avental por cima, tem bobs no cabelos que estão escondidos por um lenço, ela está preparando a mesa para o jantar]

ODETE: *Cantarola um trecho de Cotidiano* Todo dia ela faz tudo sempre igual…me sacode as seis horas da manhã *finaliza a arrumação da mesa antes de terminar a primeira estrofe da música, começa a listar tudo o que tem na mesa, como se confirmando que está tudo pronto* Café, suco de laranja, pão, manteiga, queijo, mamão, etc etc, está tudo pronto! *para fora de cena* Querido, crianças, o café da manhã está servido! *espera um pouco, como não há resposta, repete* O CAFÉ DA MANHÃ ESTÁ SERVIDO!

*fora da cena*CARLOS: JÁ VOU MAMÃE!

*entrando em cena pela esquerda*ALFREDO: Bom dia, querida, vejo que hoje você se superou *dá um beijo na bochecha de Odete, que fica ruborizada*

ODETE: Para o meu maridinho, só o melhor

*Se senta e pega uma xícara de café*ALFREDO: Nada melhor para começar o dia do que uma boa xícara de café preto

*entrando em cena pela esquerda* CARLOS/JOAQUIM/PEQUENA: Bom dia, mamãe!

ODETE: Bom dia, meus filhos *beija cada um na bochecha repetindo* Jesus lhe abençoe *as crianças se sentam a mesa, finalmente Odete toma seu lugar*

ALFREDO*para CARLOS*: Como está a escola, meu filho, quando eu vou poder ver o seu boletim?

CARLOS: O boletim só sai semana que vem, papai.

ALFREDO: Mas o boletim de seus irmãos já saíram, você está mentindo para mim?

ODETE: Eu acredito em nosso filho, Alfredo, ele já está no ensino médio, tem mais matérias, os professores devem levar mais tempo para corrigir as provas e entregar o boletim, foi assim na unidade passada, porque não será assim nessa unidade?

ALFREDO: Você tem razão, Odete. Desculpe seu pai, meu filho, o trabalho tem me estressado muito

ODETE: Não se preocupe, querido, ele sabe que você não faz por mal, você é apenas um pai preocupado.

*seguem-se conversas aleatórias sobre o tempo, notícias populares, etc. Seria interessante que temas atualizados fossem comentados nesse momento*

ALFREDO *olhando para o relógio*: Nossa! Olha que horas já são, se não me apressar vou me atrasar para o trabalho *se levanta, dá um selinho em Odete, segue beijando todos os filhos na cabeça, chega em Carlos e lhe dá um tapinha no ombro* Até mais tarde, queridos. *sai de cena pela direita*  

ODETE*para Carlos*: Não se irrite com seu pai, ele é assim mesmo, e você já sabe disso. 

CARLOS: Eu sei, mamãe, eu sei.

*Buzina de carro*ODETE*se levantando*: Chegou o transporte de vocês *gritando para o carro do transporte* JÁ VAI! JÁ VAI! Vamos, não se esqueçam de pegar o almoço de vocês *dá um beijo em cada um de seus filhos* até logos meus pequenos, até logo minhas crianças

[DESCE O PANO, FIM DA PRIMEIRA CENA]

Virtualidade Real – Capitulo 1

-Senhor Anthony, o responsavel pela campanha de marketing pergunta sobre a data de lançamento do Third Life- Disse uma voz pelo comunicador de mesa do senhor Diogo Anthony, Diretor da empresa Livid Centaur e Entreternimentos, era a voz da sua secretria, a jovem Mary anne, que perguntava uma informaçao desnecessaria, a voz melancolica do senhor Anthony sono melancolica aos ouvidos da jovem secretaria- Possivelmente pra semana que vem.

A alguns anos uma empresa de informatica, cujo o nome me foge a memoria agora criou uma maneira de transferir informaçoes diretamente entre cortex cerebral e computador, com o tempo, a evoluçao desse aparato levou para que fossem desnecessaria o uso de monitores, pois o proprio aparato criava a imagem dentro do proprio cerebro da pessoa, no lançamento do primeiro prototipo desse aparato a empresa Livid Centaur(encabeçada pela mente brilhante de Diogo Anthony, jovem empresario viciado e criador de jogos), assinou um contrato de confidencia com a empresa criadora desse aparato para que qualquer software de jogo seria criado pela Livid Centaur, e o momento estava chegando.

Durante os ultimos 5 anos até o dia de hoje 97% dos trabalhadores da Livid Centaur se esforçaram para desenvolver a inteligencia artifical de J.U.L.I.A, nome da falecida irma gemea do proprio Diogo Anthony, morta em um acidente de carro quando ambos tinham 17, e agora com 28 anos completos Diogo finalmente presta uma homenagem pra sua irma.

J.U.L.I.A foi criada para ser nao apenas um servidor para um jogo de MMO, ela foi criada principalmente para ser a propria administradora do servidor, estudando posibilidades, razoes, ideias, ideologias. Dando para ela sabedoria, num dos ultimos estados do desenvolvimento o proprio Diogo Anthony interferiu na modelizaçao da aparencia de J.U.L.I.A, que agora possue os traços que seriam do proprio senhor Anthony, mas de maneira feminina e infantil, a irma de Diogo virava um programa de computador, e logo alimentou J.U.L.I.A com as memorias que ele proprio tinha de momentos juntos com as sua irma.

Diogo voltou ao seu escritorio, tinha dado a ordem apra que ninguem pertubasse ele na paz do seu escritorio, sentou na sua cadeira executiva, tomou com as duas maos o aparato, suspirou, e colocou na propria cabeça, deitou na poltrona, fechou os olhos e lentamente entrou numa viajem para um lugar inexistente…

Entendendo os antigos mistérios da humanidade

well…eu vou começar falando sobre minha infancia…

Eu fui um mulekin magricela até os 7 anos, nessa idade eu começei a ter a força suficiente pra arrastar cadeiras e pegar comida nas prateleiras, engordei nessa epoca, porém, o que mas me deixou sequelado foi o meu gosto de filmes e desenhos animados,

Eu sempre fui um nerdin desde minha infancia, preferia brincar com os meus Comandos em Ação em casa, criando cenas de batalhas, imaginando assassinatos e golpes de estado…

Nasci no Paraná, mas sempre morei na bahia, ou seja, OXENTE MININO, SOU NORDESTINO, bem eu era um nordestino com uma tevê com assinatura na casa, passavcard-captor-sakura-03a dia e noite assistindo Cartoon Network.

O primeiro anime que assisti foi SAKURA CARD CAPTOR…(*-*),depois vieram: Sailor Moon(minhas favoritas que me sujeitavam as minha ereções infantis), Samurai X, Dragon Ball, Pokemon, Digimon,etc…

Claro, que depois de um tempo começei a me mudar constatemente, acabei perdendo o meu cartoon network, e ficava na mão de empregadas por muito tempo, as minhas manhãs começaram a serem regidas pela escola, e chegava em casa as 11:30-12:20, quase sempre no tempo em que acaba os desenhos no SBT/Globo…

Minha infancia foi um pouco triste por causa disto antes de ganhar(e aprender a usar) um computador…

Well, como não passava nada interessante(Fora Sessão da Tarde e Cinema em Casa) eu ficava brincando na sala da casa, enquanto as empregadas assistiam novelas mexicanas, novelas repetidas e os CASOS DE FAMILIA…

bem, eu aprendi porque elas gostavam de assistir isso, é um pouco divertido ficar ouvindo os desprovidos mentalmente falando sobre os problemas deles… depois continuo isso, o download do SILENT HILL HOMECOMMING acabou, quando eu ficar com medo eu volto

  Pra quem não sabe o Silent Hill Homecoming é o novo jogo da série de sucesso Silent Hill, até onde eu sei conta a história de um soldado que tem um pesadelo onde está num Hospital meio que AMALDIÇOADO e encontra com o seu irmão mais novo, que começa a fugir e ele vai atrás… é tudo que entendi da trasilent-hill-homecoming-screenshot-bigma até agora, ele é legal, tem uns movimentos de luta divertido e uma boa engine, só tem um defeito, o tamanho da lanterna, horrivel para jogo de terror, ilumina muito pouco,claro que a primeira cena se chama Nightmare”(pesadelo),e ainda não joguei os outros jogos da série, a unica série de jogos que eu joguei quase todos até agora foi o Resident Evil, Medal Of Honor e Call Of Duty,sem comentar o Need For Speed, que não vou citar muito porque perdeu toda a moral que um dia teve comigo, eu gosto de jogos passados na noite, só que me deem uma lanterna grande e que funcione bem que já me faria mais feliz, só que não posso falar nada, me acustumei jogando Alien X Predator, onde a lanterna era um faxo de luz de merda, que não dava pra ver nada, e a gente ainda tinha que lidar com seres…pretos(sem nenhum especismo(talvez seja assim que chamem o Racismo direcionado a outras especies) e ainda por cima, com seres invisiveis, bem, ainda bem que dá pra jogar COMO eles também, só que isso só faz dá mais medo, a gente se acustuma em matar os humanitos de merda e fica pensando “será que eles vão me matar desse jeito, daquele outro, ou sei lá como?”, ele é muito legal pra quem já assistiu os filmes originais, para quem não sabe o filme, Alien x Predator é um Crossover que deu certo, muito certo, juntou 2 monstros alieniginas num filme de muita ação, pra tu ter só uma idea, num dos filmes do Predator o Arnold Shwasineger Schwarzenegger toma banho de lama pra poder fugir dele, mas então, no jogo você pode escolher com quem vai jogar…sim, escolher se vai jogar como Alien, Predator ou Survival Horror Humano, como eu citei antes, dá um pouco de medo andar incauto no escuro, principalmente depois de ouvir uma PAREDE se movendo e depois ver um alien saindo de dentro dela…muito medo, muita pressão

Uma pressão psicologica…

Outro jogo que demonstra muita tensão é o SAW THE GAME, sim o joguinho inspirado na enigmatica série de filmes Jogos Mortais é muito legal, dificil e enigmatico, fases como a primeira sala, onde temos que encontrar a senha para o cadeado, sem nenhuma pista obvia, oque é normal em qualquer jogo, a dificuldade indo aumentando ao decorrer do jogo, sósaw-billy que aqui não, aqui a pressão psicologica almenta cada vez mais(melhor seria se tivesse um tempo limite pra sair da sala, acho que é por isso que é mais facil, é porque não tem perigo de morte a demora, se fosse como a segunda sala, 75% das pessoas iriam disistir antes de tentar jogar mais, porque é muito fudido, porque sério, eu descobri a senha dele na internet, num detonado, DEPOIS eu me toquei a infantilidade que era, porque estamos num banheiro(como sempre, não sei a fissuração do Jigsaw(leia-se Amanda Young/Hoffman) com banheiros, o primeiro “jogo” da série foi num banheiro, a primeira missão do vide ogame também,

Bem, claro que no filme eram duas vitimas do seus karmas, e talz, no jogo a gente encarna o Detective Tapp, e depois que conseguimos escapar da primeira armadilha começa a caçada, porém não sabemos se a caça está caçando ou sendo caçada, caimos em armadilhas, temos que nos mutilar para salvar pessoas desconhecidas, ou até mesmo conheçidas, que estão correndo risco de vida na mão do assassino Jigsaw, que usa como desculpa um modo de mostrar as pessoas que a vida é preciosa, por isso faz ela escolher entre viver ou morrer, porém nem sempre vive quando participa dos testes dele, por exemplo, o Detetive Tapp, para salvar outro preso, tem que colocar um fusivel num interrupitor(sei lá como escreve essa porra em português)para salvar um desconhecido, esse fúsivel está dentro de uma privada cheia de siringas usadas para aplicação de drogas, é agora que o Billy(aquele bonequinho mais maldito que o Chuky)diz: “Você que sempre teve uma aversão as drogas, agora tem que colocar sua mão entre as siringas de outros para salvar a si mesmo e a outro desconhecido, será ele confiavel? decida-se, em 60 segundos essas cargas explosivas são se ativar caso você não tenha colocado o fúsivel no interrupitor, que os jogos começem” ou algo assim, logo depois o mesmo cara que o Dec. Tapp salva prende ele numa sala com um louco que quer mata-lo, nessa parte aprendemos a lutar…

Esqueçi de mecionar que o Jigsaw coloca uma chave no corpo do Dect. Tapp, que é a solução dos jogos de muitos, só que não tem serventia nenhuma para ele mesmo, ou seja… que os jogos começem

killing floor clique para ver mais nitida

Outro jogo bom é o Killing Floor,  não posso citar a história dele(porque não tem)é muito diverto, é da steam, ou seja, online garantido, e é inspirado em jogos de zombies e monstros, lembrando muito o Left 4 Dead, mudando poucas coisas, como por exemplo, não é um esquema de campanhas, e sim um mapa unico, onde seu unico objetivo é matar monstros e comprar armas, só isso, quando você matar as ondas de monstros, você ganha dinheiro, e esse dinheiro você pode usar pra comprar armas(tanto brancas, tanto de fogo) pra aumentar a carnificina, e dá uns sustos, porque diferente de outros jogos, os inimigos vem de todos os lados e talz, o que almenta a diversão, na imagem eu estou na ultima onda de carnifina, onde aparece o “CHEFAUM” que tem uma metralhadora, é forte e pode ficar invisivel, minha primeira vez jogando e peguei a manha de matar ele com serra eletrica… o unico contra desse jogo é que não tem mira nele, é só sorte pra atirar nos cara, o que deixa bem mais divertido e “realista”

Caso eu baixe mais algum jogo, ou sinta vontade de falar mais algo aqui, posto de novo.

e agora se me permitem, me vou sem mais nada acresentar

José “Nerek” Augusto

p.s:
Ontem não teve videos de sexta…tô com muito sono pra postar agora os videos, manhã posto os videos de sábado e o Antimateria Recomenda

hum…lex luthor BOILOA

como qualquer bom maior de 8 anos, eu e você já assistimos aquele seriado americano: Smallville, para que entenda, o ator faz o papel de Lex Luthor nesse seriado, tem um curriculo com pouco…como posso eu humildemente dizer?…bem… Culpooooooooooooooooooooso…

E então, lá estava eu assistindo Sweet November(2001), quando eu vejo uma coisa que me deixou :O…

Caso você não tenha visto o filme, eu vou dar uma pequena spoilarda, é sobre um Plubicitarista que conheçe a uma mulher um pouco fora do usual e se vê no enfado de passar 1 mês com ela…não vou entrar em muitos detalhes, só que eu posso dizer que o filme é MUITO…MUITO…MUITO BOM

Bem, tem uma cena em que o casal principal da trama(Keanu Reeves & Charlize Theron) é convidado para um festa formal, quando chegam no lugar da festa são atendidos por 2 travestis, e um deles se chamava Brandy… passaria despercebido se vc não olhasse duas vezes, porque tinha cabelo, exatamente amiguinhos

O carequinha do mal, colocou uma peruca castanha e foi curtir a vida adoidado…infelizmente eu não encontrei uma foto no google imagem pra ilustrar essa parte da noticia…porque ela fica pior

ele tem predescedentes… sim, depois de fazer um travesti no Sweet November, ele depois fez mais um personagem…vamos dizer….com a pá virada

Bem, em um filme chamado Sorority Boys(se não me engano se chama: Curvas Perigosas aí na terra tupiniquim) ele faz um/uma estudante de uma faculdade para mulheres(não posso informar ao certo, porque ainda não assisti)

bom tá ae a prova final

 

 

 

Agora eu entendi porque o Superman é fissurado nele, e ele no superman…

Grande mistérios da humanidade

Bem, eu queria invocar o nome daquele antigo cantor pop que agora já dever ser um zombie que espera 2012 para andar na terra(eu tenho milhares de teorias sobre o 2012, 98% delas pensadas na hora e depois aperfeiçoadas)

Sim senhor, eu tô falando sobre o pescador(de ilusões(?)) Michael Jackson, mais conheçido como Neguinho da Beija-Flor , well.

eu crescia(não, já tinha uns 49% da minha mentalidade pseudo-nerd desenvolvida) quando eu vi na televisão que o Michael Jackson cometeu Pedofilia com garotinhos, e por ser pedofilo a fama de ser gay não se afastou nem um pouco…

E também pela voizinha que parecia cantor do Cine, mas tudo bem, ele morreu, foi absovido das acusações(não foi?) e mesmo assim só escutei uma música dele, e foi em uma fita cassete da Petrobras falando sobre o desmatamento e a guerra, e a necessidade de paz, Whatever, e hoje eu tava lendo o Hoje é um bom dia, do nosso amigo da vizinhança @Izzynobre, well

E tava lendo um post sobre as Punhetas Pré-Internets e well…

Todos vocês devem lembrar daquele filme: “A Lagoa Azul” ou “O Retorno Para a Lagoa Azul” a coisa mais proxima de filme erotico que NOSOTROS já vimos passar na Sessão da Tarde, well, a garotinha(que na epoca do filme só tinha 14 anos) pasmem, não sei a idade que suscedeu, nem como, nem quando, mas…

Diz o tio dos burros que ela namorou o Michael Jackson…\o/ o mundo vai acabar, depois dessa tudo pode acontecer… so That’s All Folks…

Whatever…

Quando eu era um mulekin(e sabia onde os meus pais guardava as preiboi xenxuais) eu não escutava música, no MÁXIMO escutava uma Xuxinha, isso foi quando eu tinha uns 7 anos, eu tive um contato muito prematuro com a pornografia, essa é a verdade, e um contato muito posmaturo com o computador, o meu primeiro computador que eu tive já era um XP, pra tu ter uma idea, porém, desde os 7(ou 8) anos eu tinha a minha disposição consoles maneirins, tipo o Snes:), o ps1 :D, o N64 =D,o gameboycolor :3, etc…

Porém o meu contanto com o computador em si foi um pouco tarde, e eu demorei a incrivel quantia de 1 e 1/2 pra queimar a resolução do meu pc. que passou?

Bom, depois de um tempo ganhei outro, como um garotinho mimado, e esse outro dura até hoje, com pequenas repossições, concertos e upgrades no seu hardware,

Bem, meu gosto músical foi quase TOTALMENTE influenciado pelos os meus pais e meus avós, por exemplo, eu escutava Opera, Rock, Heavy Metal, Rock, Pop Rock, Dark Metal, Hardcore, etc…

80% dos meu familiares não escutavam o Michael Jackson, e isso me influenciou a não escutar e não gostar também, e depois que eu fiquei sabendo que ele comia criançinha, pior…

não sei mais com oque enrolar vocês, deixo esse humilde post de 467 palavras 470

saludos do seu querido Shake your Head guy

José “Nerek” Augusto

Just another WordPress.com site